Necessidades ESPECIAIS na alimentação

Na actualidade, um número cada vez mais elevado de pessoas sofre das mais diversas patologias. Algumas destas podem ser prevenidas ou os seus sintomas atenuados seguindo determinadas recomendações alimentares. Veja nesta secção os nossos conselhos para algumas das patologias mais comuns.
DOENÇA CELÍACA
O QUE É A DOENÇA CELÍACA
A doença celíaca (sprue não tropical, enteropatia por glúten, sprue celíaco) é uma perturbação causada por uma reacção de hipersensibilidade ao glúten,proteína específica de alguns cereais (trigo, aveia, centeio, cevada e malte). A doença manifesta-se em indivíduos geneticamente susceptíveis e mantém-se por toda a vida. Esta manifestação pode ocorrer em qualquer idade, mas é mais frequente nas crianças entre os 9 e os 36 meses de idade, durante a introdução de novos alimentos na dieta. O único tratamento possível é uma alimentação livre de glúten, durante toda a vida do doente celíaco.
Quem tem maior predisposição para a doença?

A doença manifesta-se em qualquer idade, mas é mais frequente nas crianças entre os 9 e os 36 meses, quando sujeitas a uma alimentação com glúten, como pães, massas, certas papas, bolachas e biscoitos. Para as manifestações tardias tardias, já na fase adulta, os médicos ainda não chegaram a grandes conclusões. Sabe-se apenas que, entre os principais factores que desencadeiam a doença, está a predisposição genética.
O celíaco produz anticorpos anti-gliadina (contra o glúten) que fazem com que a mucosa intestinal atrofie. A superfície lisa resultante não tem capacidade de digerir e absorver adequadamente os nutrientes.
DIABETES
O QUE É DIABETES ?
A Diabetes é uma grave condição de saúde que atinge de 150 milhões de pessoas em todo o Mundo e estima-se que este número duplique no ano 2025.
A Diabetes mellitus caracteriza-se por uma produção de insulina ausente ou insuficiente ou, ainda, por uma resistência do organismo à sua acção. A insulina produzida no pâncreas é responsável pelo metabolismo dos nutrientes, em particular do açúcar (glicose). A insulina promove o transporte da glicose presente na circulação sanguínea para o interior das células para que seja utilizada. Assim, sem a acção da insulina a glicose permanece na corrente sanguínea em altos níveis (hiperglicemia).
A adopção de um estilo de vida saudável é a forma mais eficaz quer na prevenção quer no tratamento da Diabetes. Tenha uma alimentação equilibrada e pratique exercício físico regularmente.
INTOLERÂNCIA À LACTOSE
O QUE É A INTOLERÂNCIA À LACTOSE ?
A intolerância à lactose corresponde à produção insuficiente ou nula de lactase, uma enzima essencial no processo de digestão da lactose e que é produzida pelas células do intestino delgado. Isto resulta numa incapacidade de digerir quantidades significativas de lactose, o principal açúcar do leite e seus derivados, levando a sintomas característicos.
É de notar que nem todas as pessoas com produção insuficiente de lactase apresentam os sintomas característicos da intolerância à lactose.
Texto e imagem extraídos D´aqui



Artigos RELACIONADOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares