Não deixe que a POBREZA se transforme em PAISAGEM



http://www.impulsopositivo.com/content/dia-mundial-de-erradicacao-da-pobreza-assinala-se-17out

Erradicação da pobreza: um dia para refletir

Níveis de pobreza têm vindo a diminuir lentamente desde 1990. Mesmo assim, cerca de 25% da população mundial vive com um rendimento diário inferior a 90 cêntimos.

Assinala-se hoje pelo 18.º ano consecutivo o Dia Mundial de Erradicação da Pobreza. Esta data será dedicada a uma reflexão sobre a necessidade do trabalho conjunto entre países desenvolvidos e em desenvolvimento numa aliança verdadeiramente global contra a pobreza, avança o site oficial das Nações Unidas .

No limiar da pobreza incluem-se todas as pessoas cujo rendimento diário é igual ou inferior a 1,25 dólares (cerca de 90 cêntimos). O número de pessoas a viver na pobreza extrema tem vindo a diminuir lentamente desde 1990, de acordo com dados do Banco Mundial , sendo África o continente mais preocupante neste domínio.

A redução dos níveis de pobreza ocorreu sobretudo na Ásia oriental e na zona do Pacífico, onde a proporção de pessoas a viverem no limiar de pobreza reduziu cerca de 50% durante as últimas duas décadas. A China tem sido o país com a maior evolução, conseguindo retirar 500 milhões de pessoas deste limiar.

A erradicação da pobreza e da fome é um dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milénio, decididos em 2000 por 193 países membros das Nações Unidas e várias organizações internacionais. Os restantes objetivos a cumprir até 2015 passam pela educação básica para todos, igualdade entre sexos e valorização da mulher; redução da mortalidade infantil; promoção da saúde materna; combate ao vírus da sida, malária e outras doenças; garantir a sustentabilidade ambiental e desenvolver uma parceria global para o desenvolvimento.

25% da população mundial vive em pobreza extrema


De acordo com o relatório "World Development Indicators 2011" , uma publicação do Banco Mundial, cerca de 1300 milhões de pessoas no mundo vivem abaixo do limiar da pobreza, o que equivale a cerca de 25% da população mundial (dados de 2005 relativos aos níveis de pobreza por região - "Regional Poverty Estimates").

A África subsariana é o local onde existem mais pessoas a viver com níveis de pobreza extrema: cerca de 72% da população subsiste com menos de 2 dólares (1,45 euros) por dia.

Os níveis de pobreza são medidos de acordo com os rendimentos mínimos necessários para responder às necessidades básicas do ser humano. Os dados de cada país correspondem a anos diferentes, o que dificulta uma comparação a nível global, embora os valores individualmente registados indiquem quais os países e regiões mais afetados pela pobreza.

Existem ainda países cujos dados do Banco Mundial relativos aos níveis de pobreza são inexistentes. É o caso da Somália, onde as secas deste ano agravaram o problema da fome, levando a ONU a alertar para a crise alimentar mais grave dos últimos 20 anos em África.


Artigos RELACIONADOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares