DEMÊNCIA: como manter a memória afiada e evitar esse mal

evitar demência

Diversos estudos apontam que o melhor caminho para manter a mente saudável é mantê-la sempre em funcionamento, e algumas pesquisas mostram que pessoas que estudaram até o nível universitário têm vantagem cognitivas sobre aquelas com menores níveis de estudos. Agora um novo estudo realizado na Universidade de Brandeis, nos Estados Unidos, mostra que não é necessário ter um diploma de ensino superior para manter a memória em dia.

Como evitar a demência


De acordo com o estudo, realizado com 3.343 homens e mulheres entre 32 e 84 anos, exercícios mentais como jogos de palavras e enigmas, além de leituras frequentes, podem ajudar a retardar a demência. Quase 40% dos participantes tinham ao menos quatro anos de estudo no ensino superior. Os pesquisadores analisaram a performance dos participantes quanto à memória verbal e funções executivas – o processo cerebral envolvido em planejamentos e flexibilidade cognitiva.



Os participantes do estudo realizaram uma bateria de testes, e aqueles com ensino superior tiveram melhores resultados. Entretanto, algumas pessoas sem tanto estudo também tiveram bons resultados, explica Margie Lachman, que realizou a pesquisa. “A descoberta é importante porque sugerem que há maneiras de equiparar o funcionamento mental mesmo para as pessoas com menor nível educacional”, afirma a pesquisadora.

Lachman afirma que não é possível saber se as pessoas com a melhor memória se envolvem em mais atividades mentais, mas que as evidências sugerem que há controle pessoal sobre o funcionamento mental na idade adulta. De acordo com ela, o único modo de fazer isso é adotando um estilo de vida intelectualmente ativo.

Fonte: hypescience

Artigos RELACIONADOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares